Site TRT 19ª Região - Celebração ecumênica marca confraternização natalina no TRT/AL

Notícias

Notícias

18/12/2017 - Celebração ecumênica marca confraternização natalina no TRT/AL

Celebração ecumênica marca confraternização natalina no TRT/AL

O Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região (TRT/AL) realizou, na última sexta-feira (15.12), nos jardins da Casa Verde, uma celebração ecumênica para marcar a confraternização natalina. Fez parta da programação a apresentação do coral Labor & Canto e um café festivo.
    A celebração foi aberta pela  juíza do Trabalho Ana Cristina Magalhães Barbosa, da 5ª VT de Maceió, que falou em sua mensagem sobre a oportunidade de se renovar, de recomeçar sempre. O presidente do TRT/AL, desembargador Pedro Inácio da Silva saudou os presentes fazendo uma reflexão sobre a gratidão. Ele agradeceu aos magistrados e servidores pelo compromisso, e pelo o engajamento de todos em um ano atípico. "Chegamos ao final deste ano com um dos melhores resultados alcançados em nossas atividades. O Tribunal tem muito a comemorar, pois tem se destacado nacionalmente. Temos confiança de que 2018 será ainda melhor. Temos força, saúde e confiança para transformar num ano ainda melhor. Que 2018 seja um ano com permanente espírito de natal", observou.

    Na sequência, o juiz Alonso Filho, da 10ª VT, fez sua participação representando os espíritas. Ele falou  sobre a importância da celebração ecumênica. "A ação é para unir ainda mais. É uma reflexão para uma postura de renovação e mudança. Podemos fazer diferente. Natal é nascimento. É amar. É doar. Todo nosso olhar deve ser de amor. É preciso se indagar, se perguntar o que Jesus quer que eu faça", disse.

    Logo após, o irmão Evelton Santos, falando pelos católicos, inspirou sua mensagem em uma passagem do  livro dos Eclesiástes para fazer uma reflexão sobre o tempo. Somos irmãos em fraternidade. Questiono como estamos aproveitando nosso tempo. Por que o desperdiçamos com relações descompromissadas, sem profundidade? A vida é fugaz. É um breve instante . Gaste o tempo com sabedoria. Ame o próximo. Usemos o tempo com excelência. Procure ser a obra de Deus. Use o tempo para Ele", concluiu.

    O encerramento das mensagens religiosas foi feito pelo reverendo Alexsandro Benjamim, que representou os evangélicos. Ele ponderou sobre os ensinamentos de Jesus quanto à compaixão. Incentivou todos a praticarem a empatia, a compreender a realidade dos irmãos e a ter compaixão. "Ame e doe-se de verdade. Perdoe. Recomece. Dê um presente para Jesus. Doe-se para Ele", exaltou.

    No repertório do Coral Labor & Canto, as músicas "Como uma onda no mar", "Aleluia" e "A paz". O coral, regido pelo maestro Rodrigo Andrade, teve o acompanhamento dos musicistas Esly de Albuquerque, pianista, Miran Abs, violoncelista e Tércio Smith, violinista.

ÁLBUM DE FOTOS NO FLICKR
 

FaceBook
  © Versão V.1.11 - 11/04/2018