Site TRT 19ª Região - Juízes do TRT/AL realizam palestras sobre prevenção e erradicação do trabalho infantil

Notícias

Notícias

11/05/2018 - Juízes do TRT/AL realizam palestras sobre prevenção e erradicação do trabalho infantil

Juízes do TRT/AL realizam palestras sobre prevenção e erradicação do trabalho infantil

Na manhã desta sexta-feira (11.05), os juízes do Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região (TRT/AL), Kassandra Carvalho e Lima,  Alonso Filho e Adriana Câmara, conduziram palestras e dinâmicas sobre os temas prevenção e erradicação do trabalho infantil e proteção ao adolescente trabalhador, estímulo à aprendizagem,  cidadania e direitos humanos.  As ações formativas aconteceram no Centro Educacional de Pesquisa Aplicada (CEPA).

Os auditores fiscais do trabalho Dulciane Montenegro de Alencar e Leandro Carvalho também participaram da ação. Os temas foram direcionados a cerca de 60 alunos do primeiro ano do ensino médio da escola Estadual Professor Silveira Camerindo, que participaram ativamente das  dinâmicas conduzidas pelos palestrantes. A juíza do Trabalho Kassandra Carvalho e Lima procedeu a uma roda de conversa com os alunos, utilizando o método de perguntas e respostas. "A ideia é repassar conhecimentos e elucidar as dúvidas mais corriqueiras sobre o que é trabalho infantil, proteção ao trabalho permitido ao adolescente, bem como contrato de aprendizagem, regime de trabalho familiar, qualificação e obrigações das empresas de contratar aprendizes, entre outros. Além disso, também pretendemos fornecer informações para  combater  mitos", enfatizou.

A juíza do Trabalho Adriana Câmara fez sua abordagem baseada no programa Trabalho Justiça e Cidadania, desenvolvido pela Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra). Ela analisou três itens considerados de grande importância no dicionário de valores: o respeito, a honestidade e a igualdade. A magistrada ressaltou que essas  condutas corretas são importantes para uma sociedade justa e equilibrada - virtudes indispensáveis ao exercício de todos os direitos e deveres de cada cidadão. 

A auditora-fiscal do Trabalho Dulciane Montenegro de Alencar falou sobre a legislação que regula o processo de aprendizagem, com foco  nos trabalhos prejudiciais à saúde e à segurança, como os considerados  insalubres. De acordo com ela,  Alagoas está com baixo índice de contratação de aprendizes. Estamos trabalhando em conjunto para conscientização das empresas. Afinal, elas têm o caráter de função social", observou. 

O juiz do Trabalho titular da 10ª VT de Maceió,  Alonso Filho, e o auditor-fiscal do Trabalho Leandro Carvalho abordaram o tópico  "Construindo o conhecimento sobre o tema, o jovem pergunta e responde" . Eles incentivaram a interação dos  estudantes, com a utilização de uma comunicação informal e lúdica. O ponto alto da apresentação se deu com o juiz Alonso Filho tocando a música "O sol". Ele encerrou a programação destacando o seguinte pensamento: "O adolescente inteligente, na busca de ser feliz, estuda e se faz importante - e só trabalha como aprendiz". 

Essas atividades pedagógicas integram as ações que acontecem no período de  10 a 18 de maio, promovidas pelo Fórum Estadual de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil e Proteção ao Adolescente Trabalhador de Alagoas.
 

Galeria de imagens

FaceBook
  © Versão V.1.22 - 11/12/2018